23/06/2019

Kim Kataguiri e Bilac Pinto marcam posição na comissão especial e defendem Previdência Justa


No primeiro dia de debates sobre a Previdência Justa após a apresentação do parecer do relator, deputados do Democratas participaram da audiência pública e defenderam as alterações, apontando temas para debates futuros. O deputado Kim Kataguiri (SP) falou sobre capitalização, item excluído do texto em discussão na comissão especial.

“Lamento que a capitalização tenha sido retirada do texto da Nova Previdência, mas existe o compromisso dos líderes e do Presidente da Casa de ser discutido no próximo semestre. Apresentei emenda neste sentido e vou continuar militando para que tenhamos um novo sistema para as novas gerações”, disse o deputado.

Por sua vez, Bilac Pinto rebateu as críticas de que o Congresso Nacional teria desidratado o texto da reforma: “o Parlamento, pelo contrário, democratizou o texto, ouvindo inclusive a oposição. É papel da oposição obstruir a agenda e nosso papel é tentar avançar com essa proposta, construindo pontes, para conseguir a aprovação”, afirmou.

O texto foi apresentado na última quinta-feira (6) e, em seguida, foi concedido pedido de vista coletivo, o que adiou o início da discussão na comissão por duas sessões do Plenário.

Sobre o texto, o deputado Bilac Pinto lembrou a exclusão do BPC e as mudanças na aposentadoria rural. “Devemos compreender as dificuldades enfrentadas pelas classes mais carentes. Devemos cobrar maior esforço daqueles que são capazes de contribuir mais. A meu ver, este é o ponto crucial da reforma”, disse.