25/02/2019

Chico Rodrigues alerta para risco de conflito na fronteira Brasil-Venezuela


O senador Chico Rodrigues (Democratas-RR) fez um alerta, na última quinta-feira, sobre o risco de conflito na fronteira Brasil-Venezuela a partir da entrega de ajuda humanitária ao país vizinho sem a autorização do presidente Nicolás Maduro.

Em pronunciamento no plenário, Chico reconhece uma grave crise humanitária e a necessidade de auxílio com suprimentos, como alimentos e medicamentos destinados aos venezuelanos, porém, a imprevisibilidade de reação de Maduro traz sérias preocupações à população brasileira que vive na região de fronteira e a todos os envolvidos na operação de entrega dos mantimentos.

O início do envio dos produtos está programado para o dia 23, próximo sábado, via cidade de Pacaraima, fronteiriça com o município venezuelano de Santa Helena de Uairén.

Conforme o parlamentar, há notícias de mobilização militar por parte de Nicolás Maduro em direção à fronteira. Ele pede muita cautela por parte das autoridades brasileiras em nome da segurança da população local. “Muita cautela, muita prudência porque as reações do governo (venezuelano) são as mais imprevisíveis possível.

Qualquer tentativa de entrada com essa ajuda humanitária é compreensível, mas de forma indevida, sem autorização do governo, legítimo ou não, pode ter consequências inimagináveis”, ponderou o senador.

A operação de ajuda humanitária está sendo articulada entre os governos brasileiro, norte-americano e o líder da oposição na Venezuela, Juan Guaidó, reconhecido como presidente interino por diversos países, como Brasil e Estados Unidos. Maduro determinou o fechamento com a fronteira brasileiro e anunciou que avalia adotar medida similar com a divisa colombiana.